Vitrine de Serviços

Nossos Mantenedores

Ação Global

Prêmio: Ação Global - Programa de Promoção de Saúde 2002
Categoria: Indústria
Responsável: Waldir Bortholuzzi
Coordenadora: Rosicler Dennanni Rodriguez (Nutricionista - Chefe de Restaurante) 

HISTÓRICO: 

A Roche, cujo principal foco de negócio é a área da saúde, sempre esteve voltada à saúde e à qualidade de vida de seus funcionários, realizando inúmeras ações importantes, porém isoladas, ao longo dos anos. Em Outubro/98, a Roche juntamente com a Givaudan do Brasil Ltda (na época, empresa coligada), atentas à qualidade de vida de seus funcionários, resolveram estabelecer uma parceria para implementar oficialmente um Programa de Promoção de Saúde e Qualidade de Vida. No início, o Programa manteve uma parceria entre as empresas mas, a partir do ano 2000, os programas se separaram, a fim de atender as expectativas e realidades de cada empresa. 

Como primeiro passo, foi realizada uma pesquisa através de um questionário (resultados em anexo), elaborado em parceria com a Qualivitae, com informações pessoais e de caráter médico, que direcionaram as ações e propostas do programa. Paralelamente, foram realizados alguns eventos: 

 

  • Almoço com arte (apresentação de dois atores sobre qualidade de vida);
  • Verificação de peso e altura, para cálculo do IMC;
  • Videokê durante o horário de almoço;
  • Caminhada monitorada;
  • Votação do logotipo
  • Concurso para a criação da frase/slogan do programa 

    A frase e o logo escolhidos foram : 



    A partir dos resultados dos questionários individuais sobre hábitos e atitudes relacionados à Qualidade de Vida, a Qualivitae traçou um perfil da Roche em relação a estes aspectos. 

    Programa de Promoção da Saúde e Qualidade de Vida - Unidade Jacarepaguá (RJ): 

    Em 30 de abril de 1999, foi lançado oficialmente o Programa de Promoção da Saúde e Qualidade de Vida na unidade (fábrica) de Jacarepaguá (RJ), nos mesmos moldes e baseado na experiência da implantação do mesmo na Unidade Jaguaré (SP) e, desde então, tem atuado como agente catalizador de um processo de mudança comportamental. 

    O programa também foi estruturado a partir da identificação do perfil dos funcionários, considerando seus hábitos de saúde e estilo de vida. Em abril/99, o consultor Marcelo Karam fez uma palestra para todos os funcionários, na qual foi abordada a importância da qualidade de vida individual, na empresa e na família, ressaltando o valor dos bons relacionamentos, da prática esportiva e da necessidade do equilíbrio, controlando-se os excessos. 

    É um Programa integrado, com diversas ações, cujo foco não é o médico ou a doença, mas a promoção da saúde integral. 

    Programa de Promoção da Saúde e Qualidade de Vida - Força de Vendas - Brasil: 

    Os colaboradores da Roche que compreendem a Força de Vendas e encontram-se distribuídos por todo Brasil, num total de aproximadamente 690 colaboradores também estão incluídos em algumas ações do Programa Qualidade de Vida. À distância em que se encontram das unidades matriz e fabril, dificulta a participação dos mesmos em ações locais. Porém, existe a preocupação para que estes colaboradores sejam atingidos e beneficiados por algumas ações do programa. 

    O Programa participou nas Convenções Nacionais de Vendas, onde todos os colaboradores da Força de Vendas se reúnem por uma semana, nos anos de 2001 e 2002, para levar algumas ações do Programa. Uma outra maneira do programa conseguir atingi-los é através do site do Programa Qualidade de Vida que está sendo implantado na intranet da empresa. A Força de Vendas também participa da maioria das campanhas de prevenção de doenças. 

    VISÃO:

    Orientar e estimular hábitos e estilo de vida que promovam a busca contínua do bem estar e da saúde de nossos colaboradores e familiares, de modo a estabelecer um maior equilíbrio entre a vida profissional e a realização pessoal, estendendo em ações para a comunidade. 

    OBJETIVO:

    Conscientizar os colaboradores e seus familiares, através de processos educativos, da necessidade de serem capazes de gerenciar o seu estilo de vida, tornando-o mais saudável, feliz e produtivo, independentemente do meio em que vivem ou atuam. 

    MISSÃO:

    Curto Prazo: 
     
  • Conscientização para hábitos saudáveis de vida.
  • Melhoria do relacionamento interpessoal.
  • Disponibilizar ferramentas para melhor administrar o stress. 

    Médio Prazo: 
     
  • Estímulo a maior participação nos processos.
  • Ambiente de trabalho mais integrado.
  • Ser uma empresa diferencial em qualidade de vida. 

    Longo prazo: 
     
  • Redução nos custos de Assistência Médica.
  • Retenção de talentos.
  • Cultura saudável na empresa 

    Indicadores de Medição de Resultados em Qualidade de Vida: 
     
  • Perfil Demográfico da População Roche
  • Rotatividade
  • Custos e dados de Assistência Médica
  • Custos e dados de Saúde Bucal
  • Resultados de Saúde Ocupacional
  • Resultados na Alimentação
  • Índice de Fumantes
  • Avaliação da Ginástica Laboral
  • Índices de Saúde
  • Avaliação do Programa 

    PÚBLICO ALVO:

    Todos os Colaboradores da Roche a nível Brasil, incluindo os Estagiários (1640), além de Temporários e Contratados/terceirizados (aproximadamente 517) - dados de 2002:
  • Jaguaré - São Paulo - Matriz - 463 funcionários e estagiários e aproximadamente 280 temporários e contratados (terceiros)
  • Jacarepaguá - Fábrica RJ - 480 funcionários e estagiários e aproximadamente 237 temporários e contratados
  • Força de Vendas Brasil (vários estados) - 697 colaboradores 

    PÚBLICO ATINGIDO:

    Todos os colaboradores da Roche a nível Brasil e seus familiares. Estima-se que o público atingido seja de 5.000 pessoas. 

    Os Colaboradores Contratados (terceirizados) e temporários participam de todas as atividades e campanhas realizadas pelo programa, somente não recebem subsídio para os tratamentos vinculados ao Programa (anti-tabagismo, prevenção de câncer de mama, entre outros). 

    DESCRIÇÃO DO PROGRAMA:

    Dando seqüência às atividades do Programa de Promoção da Saúde e Qualidade de Vida no ano 2000, após separação do programa da Givaudan, decidiu-se reiniciar com atividades de alerta, ou seja, aquelas que visam despertar o interesse dos empregados para o tema em questão: 
     
  • Caminhadas internas e externas à empresa;
  • Oficina de Teatro;
  • Coral;
  • Palestra e Jogo com time de basquetebol em cadeira de rodas: Como Transformar dificuldades em oportunidades;
  • Teatro Infantil (Dia das Crianças);
  • Concurso de Natal (doação de brinquedos);
  • Inauguração da Pista de Caminhada;
  • Lançamento dos QVs (programa de incentivo à participação no programa) e
  • Sorteio de ingressos para shows, teatros, jantares, etc. 

    AÇÕES E PROCESSOS ENVOLVIDOS NO PROGRAMA:
     
  • Programas de prevenção de doenças (câncer de pele, próstata, colo do útero, mama; detecção de hepatite C; controle de dislipidemias, obesidade, pressão arterial, glicemia)
  • Programa anti-tabagismo
  • Imunização (vírus da gripe)
  • Saúde bucal , ocupacional e assistência médica
  • Atividade física (ginástica laboral e empresarial)
  • Alimentação saudável
  • Stress
  • Eventos e lazer
  • Atividades culturais
  • Ações sociais
  • Programa de incentivo à participação 

    FORMAS DE COMUNICAÇÃO / DIVULGAÇÃO:

    A divulgação das atividades do programa é feita utilizando-se os seguintes recursos de comunicação (em anexo): 
     
  • Quadros de aviso (20);
  • Correio eletrônico para os funcionários;
  • Distribuição de folhetos na Portaria (pela manhã, por ocasião da entrada do funcionário ao trabalho).
  • Jornais:
  • Conta Gotas
  • QV New s - Jornal do Programa Qualidade de Vida
  • Intranet (em construção) 

    PARTICIPAÇÃO/CONTRIBUIÇÃO FINANCEIRA DO FUNCIONÁRIO:

    Todas as atividades realizadas pelo Programa de Promoção da Saúde e Qualidade de Vida não tiveram custo para o funcionário. Somente nas aulas de dança de salão, existe uma contribuição financeira do funcionário, que é de R$ 5,00 / mês. 

    Algumas das próximas atividades a serem implantadas dentro do Programa terão uma pequena contribuição financeira do funcionário (valor simbólico). Pois, a prática tem mostrado que embora simbólica, uma pequena contribuição permite um envolvimento maior do funcionário. 

    PLANEJAMENTO / AÇÕES PARA O ANO DE 2003:

    Para o ano de 2003, temos como estratégias o implemento de novas atividades dentro de cada processo que será descrito, além das atividades normais planejadas. 
     
  • Programa de Atividade Física: 
     
  • Ginástica Laboral (SP)
  • Ampliação para todas as áreas administrativas da empresa
  • Destaque do trimestre: premiação dos funcionários de cada divisão
  • Ampliação da parceria do Programa Qualidade de Vida e a ARRO (Associação Recreativa Roche) (SP)
  • Atividades conjuntas
  • Fornecimento de QVs para as atividades físicas realizadas na ARRO
  • Campanha de Combate ao Sedentarismo (SP e RJ)
  • Ampliação da parceria com o Programa Agita São Paulo / Brasil
  • Programa de Alimentação Saudável (SP)
  • Estruturação de grupos de auto-ajuda - Vigilantes do peso
  • Estudo de avaliação nutricional de cardápios servidos
  • Programa de Sensibilização da Gerência (SP e RJ)
  • Conscientização individual de cada gerente para o aprimoramento do seu estilo de vida
  • Facilitar o maior comprometimento e participação nos processos de promoção da saúde e qualidade de vida
  • Programa de atualização de dados:
  • Aplicação do questionário de estilo de vida em Jacarepaguá (RJ)
  • Programas de Prevenção (novo enfoque):
  • Câncer de mama, cólon do útero e próstata)
  • Programa de Ergonomia (SP e RJ)
  • Avaliação específica do posto de trabalho nas funções administrativas
  • Implantação de um comitê de ergonomia
  • Programa de ampliação da atuação do Programa para a Força de Vendas
  • Formação de um comitê específico para implementar ações de qualidade de vida para a Força de Vendas
  • Programa de Combate ao Stress (SP)
  • Implantação de quick massage e shiatsu subsidiado pelo programa a todos colaboradores 

    RESUMO DOS RESULTADOS OBTIDOS:
     
  • O custo per capita da Assistência Médica da Roche manteve-se estável durante os últimos anos, mesmo com as melhorias implantadas no plano, e abaixo do custo per capita de mercado.
  • Diminuição significativa de atendimento ambulatorial para consultas, medicações, inalações, curativos, etc., redução média de 40% ao ano (1999-2002).
  • Diminuição da população tabagista de 14% para 11% na Unidade Jaguaré - SP e Força de Vendas Brasil (1999-2001).
  • 50% dos participantes do Programa Anti-tabagismo da Unidade Jaguaré - SP e 25% na Unidade Jacarepaguá - RJ deixaram de fumar.
  • Ginástica Laboral: nas reavaliações, 75% dos colaboradores melhoraram seus índices de flexibilidade e 68% dos participantes praticam a ginástica 5 vezes por semana. Mais de 95% dos praticantes alegaram alívio das dores corporais, melhora no relacionamento com os colegas de trabalho, mais disposição e bem-estar geral.
  • Redução média de 41% nos atendimentos por gripe nos Serviços de Medicina Ocupacional do Jaguaré - SP e de Jacarepaguá - RJ, como resultado das campanhas de vacinação Anti Gripal.
  • Redução nos casos de câncer de próstata, colo do útero, mama e de casos de dislipidemias na Unidade Jacarepaguá - RJ entre os anos de 2000 e 2002.
  • Redução em 29% na utilização de óleo de soja nas preparações das refeições, aumento em 31% no consumo de peixes, em 23% no consumo de frutas e em 50% no consumo de verduras entre os anos de 1999 e 2002, na Unidade Jaguaré - SP, como resultado de um trabalho de adequação de cardápios e de treinamento da equipe operacional.
  • A participação dos colaboradores nas atividades de lazer aumentou em 100% entre os anos de 2000 e 2002 na Unidade Jaguaré - SP.
  • O número de participantes nas atividades físicas da ARRO aumentou 55% de 2000 a 2002.
  • Ações Sociais:
  • Ano 2000 - arrecadação de 1.890 brinquedos (SP e RJ)

Ano 2001 - arrecadação de 24,7 toneladas de alimentos (SP e RJ)

  • Ano 2001 - arrecadação de 2.010 agasalhos (SP)
  • Ano 2002 - arrecadação de 3.272 agasalhos (SP e RJ)
  • Ano 2002 - arrecadação de 2.486 itens de material escolar (SP e RJ)
  • Anos de 2001 e 2002 - doação de 14 cadeiras de rodas especiais
  • No ano de 2002 já foram distribuídos 5000 QV´s (programa de incentivo à participação) por participações nas atividades do Programa de Qualidade de Vida (SP e RJ).
  • Avaliação do Programa de Promoção da Saúde e Qualidade de Vida (SP e RJ): 
     
  • 93% dos colaboradores conhecem o Programa
  • 93% dos colaboradores avaliaram o Programa como ótimo e bom.

 

Parcerias